sábado, 5 de fevereiro de 2011

Letra e Música - Luiz Alberto Machado

CRENÇA

Letra & música de Luiz Alberto Machado*

É preciso respeitar melhor a vida
no amor que traz a paz que é tão bem vida.
Amar para se ter além do passional
e o coração valer o ser humano universal.

É preciso respeitar as diferenças
e não se equiparar ao que é hostil nas desavenças.
Lutar contra a mantença desigual
que forja o algoz na força do poder irracional.

Se entregar agora, todo dia e a noite inteira,
testemunhar assim as coisas verdadeiras.
Colher a lágrima do olhar mais desolado
para irrigar a sede do carinho devastado.

É preciso ter no olhar a flor da vida,
trazer a luz do sol nas mãos amanhecidas.
E perceber o amor no menor gesto natural
para valer o sonho mais presente mais real.

Se entregar agora, todo dia e a noite inteira,
testemunhar assim as coisas verdadeiras.
Colher a lágrima do olhar mais desolado
para irrigar a sede do carinho devastado.

E afinal poder sorrir
como quem vai feliz viver,
a manter a crença e o seu proceder na paz.
Semear a vida no ideal de colher
o que virá depois
pra ser alegria imensa para um, mais dois, mais!
Viver a vida pelo que foi e será, é e será!

© Luiz Alberto Machado. Direitos reservados. Arranjo de Jarbinhas Barros.
Veja o clipe de Crença no YouTube.

* LUIZ ALBERTO MACHADO é escritor, compositor musical e radialista (Reg. Prof. 1511/DRT-PE) , editor do Guia de Poesia do Projeto SobreSites e membro da Cooperativa dos Músicos de Alagoas - COMUSA. Escreve regularmente para jornais, revistas e alternativos além de blogs, sites e portais da internet. Já publicou 6 livros de poesias, 7 infantis, 2 de crônicas além de ter vários textos publicados em veículos impressos e virtuais do Brasil e do exterior. Parte do seu trabalho está reunido na sua home www.luizalbertomachado.com.br

Um comentário:

  1. O meu amado é um ser iluminado com suas composições. Parabéns a ele e obrigada, Luiz Antonio Cardoso. Abraço

    ResponderExcluir