terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Mensagens Poéticas de 11/fev/2011 - por Ademar Macedo

<<< Uma Trova Nacional >>>
Meu coração é uma rua -
bem fechada, já se vê -
por onde transita... nua,
a lembrança de você.
(Dodora Galinari/MG)

<<< Uma Trova Potiguar >>>
Ninguém deve se arriscar
no amor, se inconsequente:
– Como pode a gente amar
quem não pode amar a gente!?
(Dorinha Rabelo/RN)

<<< Uma Trova Premiada >>>
Os sonhos que acalentei,
nos tempos de mocidade,
foram nuvens que soltei
no céu de minha saudade!
(Maria Carriço/RN)

<<< Simplesmente Poesia >>>

ROSEIRA PARAÍSO

– Francisca Alves de Sousa/CE –
(Dona Nêga)

Flor, ainda não acabaste de nascer
e já procuras colorir o teu viver,
com as cores da dor e da paixão.
Guarda teu perfume flor querida!
Ainda estás a um passo da vida.
Ainda és meia flor e meio botão.

Guarda teu amor feito em perfume
porque o espinho agudo do ciúme,
está juntinho de ti em tua haste.
Deixas que Deus escolha teus caminhos
para que não sintas a dor destes espinhos
que vivem a ferir por toda parte.

Esta é a voz da mamãe flor,
que de tanto dá o seu amor,
ficou presa na haste, entre os espinhos.
E hoje vive e espera com um sorriso
que tu sejas a Roseira Paraíso,
a florescer por todo o seu caminho.

<<< Uma Trova de Ademar >>>
Lágrima... Um rio dolente,
que num trajeto imperfeito,
afoga os risos da gente
nas margens sujas do leito...
(Ademar Macedo/RN)

<<< ...E Suas Trovas Ficaram >>>
Na madrugada indormida,
juntei ternura aos pedaços,
cada remendo de vida
tinha linha de teus traços...
(Graziela Lydia Monteiro/MG)

<<< Estrofe do Dia >>>
Saudade é uma dor ferida
cravada no coração,
quanto mais você remexe
mas ela aumenta a pressão,
matando devagarzinho
sem ter dó nem compaixão.
(José Alberto Costa/AL)

<<< Soneto do Dia >>>

O ABRAÇO DO CRISTO REDENTOR

– Geraldo Lyra/PE –

O Cristo, com seus braços bem abertos,
abençoando o Rio de Janeiro,
faz o gesto de amor ao mundo inteiro,
da Patagônia aos longes dos desertos...

Porém, Salis/Di Caro, muito espertos,
nos dão o vídeo e abraço brasileiro,
pois, simboliza o Rio verdadeiro,
terra do Bem e dos destinos certos...

Emocionante cena de carinho,
a quem a Vê, com sua alma enternecida,
lembra de Deus - seus atos de ternuras

que devemos a todos do caminho,
nesta passagem breve a ser vivida,
como ensinou Jesus, nas Escrituras!

Nenhum comentário:

Postar um comentário